Press
Sofia Lobo Cera in the media

Antes de mais, pedia-lhe que começasse por nos esclarecer acerca das técnicas de Feng Shui e quais as vantagens da sua prática.

O Feng Shui, arte milenar chinesa com cerca de 4000 anos, estuda a forma como a energia flui num espaço que, quando se encontra em equilíbrio e em harmonia se traduz em mais bem estar e conforto para quem a usa e se movimenta nesse mesmo espaço. As pessoas, e é disso que falamos, sentem-se melhor, mais felizes e mais estáveis a todos os níveis. Quando se fala em energia em nada tem a ver com esoterismos, mas sim com o conceito de energia ciência, que se conhece ao nível da física e da química.
Qualquer espaço que tenha estas técnicas aplicadas de uma forma estudada, profissional e consciente, será mais positivo a todos os níveis. No âmbito empresarial, os agentes económicos fortalecem-se, crescem, consolidam-se e as suas equipas são saudáveis e solidárias na prossecução dos seus objetivos.

Este é um conceito que já está implementado em Portugal ou ainda há muito desconhecimento?

2019 03 RevistaBusinessPortugal SLC

Há vinte e um anos quando comecei a falar sobre Feng Shui no ISEL (Instituto Superior de Engenharia de Lisboa), onde estudava na altura, os meus colegas quase que duvidavam da minha sanidade mental, que falava de coisas que não entendiam e, para alguns, esta temática até parecia retirada dos manuais da bruxaria medieval! Todavia, engenharia e Feng Shui para mim, sempre estiveram relacionados, não fossem a Astronomia e a Física parte estruturante das bases do Feng Shui, em que se estudam corpos e partículas que constituem o espaço e a matéria. Nas casas e nas empresas é exatamente a mesma coisa, ou seja, colocando as pessoas e o mobiliário ou equipamento em determinadas posições, agindo como reagentes numa reação físico-química, provocam-se reações químicas donde resulta, digamos de forma simplista, a circunstância da pessoa se sentir bem ou não, num determinado espaço. Quem é que nunca sentiu uma imediata sensação, de bem ou mal estar, quando entrou num espaço? Ou como é que se sente quando chega ao seu local de trabalho todos os dias? Quando as pessoas se sentem bem num determinado espaço, respira-se mais conforto e consequentemente trabalham e vivem melhor. Hoje em dia, há cada vez mais conhecimento e divulgação do que é o Feng Shui, e não deixa de ser interessante ver cada vez mais as empresas assumirem esta matéria nas suas ações. Aliás, pelos quatro cantos do mundo, são poucas as empresas líderes que não têm um consultor de Feng Shui. Inclusivamente os logótipos de grandes marcas internacionais são desenhados segundo estes princípios para que o sucesso comece no visual da primeira imagem. 

Há também cada vez mais empresas que já vão desenhando os seus produtos de acordo com o Feng Shui, selecionando as cores e os materiais e a forma como estes se ligam, indo ao encontro do Ciclo Construtivo dos Cinco Elementos (podem saber mais sobre esta temática no meu livro “Mude a Sua Casa Enriqueça a Sua Vida”).
Em Portugal, embora existam já algumas empresas a aplicar o Feng Shui nos seus espaços, ainda há um longo percurso a percorrer. Já ao nível habitacional, principalmente na Grande Lisboa, há cada vez mais famílias a apostar e a procurar no Feng Shui o seu bem-estar.

Qual o feedback que tem obtido dos seus clientes que já implementaram estas técnicas?

Tem sido muito favorável, especialmente ao nível empresarial. Geralmente, e perante objetivos que são mais ou menos transversais, ou seja, crescimento, consolidação do negócio, lucro, produtividade dos colaboradores, (cada vez mais as empresas se preocupam com o bem-estar das suas equipas) muitas das empresas já perceberam que uma das chaves para o sucesso é terem funcionários felizes e satisfeitos não só com a sua atividade como também com o seu local de trabalho. Nas empresas, na sua maioria temos dois tipos de situações: ou são empresas que já estão a laborar num espaço e que pretendem alcançar estes objetivos com a ajuda do Feng Shui, perante uma ameaça de estagnação ou declínio e conseguimos uma nova dinâmica; ou são projetos de raiz, isto é, quando uma empresa vai para um espaço novo (novo para ela ou novo em termos de construção) e todo este espaço é organizado, disposto, decorado, ou até construído com base em cálculos rigorosos de Feng Shui clássico. Nestes casos, é constituída uma equipa com todos os responsáveis, que vai desde o CEO da empresa, ao arquiteto, ao designer, entre outros, e ao consultor de Feng Shui. De todos os projetos de raiz que tenho feito, passe a imodéstia, os resultados têm sido excelentes, o que me dá uma incalculável satisfação.

 

Quando foi fundada a Sofia Lobo Cera – Consultoria de Feng Shui enquanto empresa?

Foi fundada em 2009, ainda que só em 2012 tenha declinado a área de engenharia e me dediquei a 100% ao Feng Shui, dando consultas, palestras, conferencias, aulas em cursos de Feng Shui, e escrita da minha newsletter mensal que vai fazer 100 edições este ano, e ainda a redação de artigos para várias revistas.

A liderança no feminino é um tema pertinente pelos crescentes casos de sucesso. Enquanto empresária, sentiu alguma dificuldade no seu percurso profissional por ser mulher?

Sim e não. Não porque como sou muito determinada e focada, nunca me deixei afectar por quaisquer “julgamentos”, e sempre continuei direcionada aos meus objetivos. No entanto, como mulher sinto que o esforço é mais acrescido, pois além de empresária, sou mãe, mulher, e sou responsável por toda a logística familiar. Ao mesmo tempo, sendo “patroa” de mim mesma, nem sempre é fácil gerir as imposições dos demais, próximos, que pelo facto de ter um negócio próprio a disponibilidade é absoluta, que posso parar quando quero e as vezes que quero, o que é completamente errado. No “meio” do Feng Shui, em Portugal não senti até ao momento quaisquer barreiras, mas no Oriente não é assim tão fácil, pois a sociedade ainda é muito conservadora.

O que é que ainda ambiciona concretizar a nível profissional?

Muita coisa, aliás, eu estou constantemente a pensar e a criar o que vou fazer a seguir. Aquilo que posso dizer é que parar não faz parte dos meus objetivos. Quero continuar a fazer mais e melhor. Tenho, em maturação, alguns projetos já minimamente definidos mas que a seu tempo virão a público. De momento, vai fazendo o seu percurso, com algum sucesso, o projeto “Casa Organizada Vida Equilibrada” no sentido de chegar a mais pessoas com o objetivo de que tenham uma vida melhor e mais feliz. “Casa Organizada Vida Equilibrada” é um projeto inédito em Portugal nesta área, que consiste num conjunto de vídeos disponibilizados no meu canal oficial do YouTube (https://www.youtube.com/c/SofiaLoboCeraConsultoraProfissionaldeFengShui),
com dicas e sugestões práticas, que convido todos a seguirem.

 

in Revista Business Portugal, parte integrante do Jornal Público de 12 de Março de 2019

 

X

sofialobocera.com

No right click